Blog

O Futuro do Conteúdo: Menos Jargões, Mais Emoções

Published

on

Numa época em que o termo “conteúdo” parece ter perdido o seu significado, tornando-se uma expressão genérica usada indiscriminadamente, é essencial repensar como criamos conteúdo que realmente ressoe com o público. O segredo? Menos foco em jargões e mais atenção às emoções.

1. Faça o Conteúdo Ter Significado

Na WeTransfer, nosso objetivo é criar algo que realmente se destaque no meio do ruído digital. Quando acertamos, nosso conteúdo não apenas atrai atenção, mas também adquire significado. Para isso, buscamos entender profundamente nossa audiência e pensar em termos humanos, e não apenas como usuários ou métricas.

2. Seja Direto e Conecte-se

Stephanie Trovato, redatora B2B, destaca a importância de ir direto ao ponto no conteúdo. Ela aconselha que as marcas devem captar a atenção das pessoas rapidamente e mantê-la, especialmente em um mercado de mídia já saturado.

3. Aposte em Insights e Perspetivas Originais

Rosanna Campbell sugere que um bom conteúdo B2B deve oferecer uma perspetiva original, apoiada por experiência real e pesquisa aprofundada. Isso pode começar conversas importantes e ajudar a mover o agulha cultural.

4. Construa uma Voz Única para a Marca

Rachael Pilcher, copywriter de conversão B2B, enfatiza a importância de uma voz de marca única e autêntica para se destacar no mercado.

5. Use Exemplos Reais

Bani Kaur realça que bons exemplos são essenciais para enfatizar pontos importantes em conteúdos B2B, tornando-os mais acessíveis e relevantes para o público.

6. A Formatação Também Importa

Amanda Cross, da Nectar, lembra que um bom conteúdo B2B também é visualmente atraente e fácil de ler, utilizando cabeçalhos, listas e parágrafos eficazmente.

7. Ofereça Algo Genuinamente Novo

Sarah Greesonbach defende a importância da pesquisa original e do pensamento criativo para criar conteúdo que se destaque.

8. Seja Amigo do Seu Público

Nuni Snowden, da PXP Studios, aconselha a tratar o público como colega, oferecendo conteúdo que fale diretamente e de igual para igual.

9. Tenha uma Estratégia de Distribuição Sólida

Um bom conteúdo B2B precisa de uma estratégia de distribuição eficaz para garantir que ele alcance seu público onde eles estão mais recetivos.

Aprendendo com a WeTransfer

A WeTransfer tem demonstrado como entender e respeitar o público pode transformar a criação de conteúdo. Através de projetos como o documentário “Life Is Excellent”, que narra a vida do artista David Robilliard, a empresa mostra como contar histórias que importam pode criar uma conexão autêntica com o público.

Compartilhando o Microfone com a Próxima Geração
Projetos como o “Drop School”, um documentário do TikTok, exemplificam como abordar e envolver eficazmente o público mais jovem, entregando-lhes o controle criativo.

Foco no ‘Agora’
Em um mundo que muda rapidamente, é fundamental que as marcas continuem aprendendo todos os dias. Ao invés de tentar prever o futuro, devemos nos concentrar em compreender o presente.

As marcas que desejam se destacar devem se concentrar em criar conteúdo que ressoe culturalmente e emocionalmente com seu público. Ao fazer isso, elas não só capturam a atenção dos consumidores, mas também conseguem tocar seus corações e mentes.

fonte:https://www.adweek.com/creativity/future-content-strategy-more-feelings/

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Trending

Exit mobile version